Mostrando postagens com o rótulo noticiasMostrar tudo

Deputado Sandro Regis teve influência na eleição de 14 prefeitos

 


O deputado estadual Sandro Regis (DEM) saiu bastante fortalecido na eleição deste ano. Mesmo sendo da oposição ao governo do estado, conseguiu eleger 14 prefeitos, número considerado elevado.

Entre os prefeitos eleitos aliados, estão os de cidades importantes, como Teixeira de Freitas e Mucuri, ambos o DEM.


Informações do Políticos do Sul da Bahia



Veja os vereadores eleitos em Ibirataia para o mandato 2021/2024

 


Onze vereadores foram eleitos para a nova legislatura 2021/2024 da Câmara Municipal de Ibirataia. Apenas quatro vereadores foram reeleitos. São eles: Peruca, Toin de Berenga, Ravi Machado e Charles Mosquito. Confira abaixo como ficará a nova composição do legislativo ibirataense.


PL

Marcos de Manoel da Ambulância -  632 votos

Romildo – 290 votos

Ravi Machado - 273 votos

MDB

Peruca – 470 votos

DEM

Toin de Berenga – 461 Votos

PSD

Charles Mosquito – 546 votos

Fala da Banca – 497 votos

Neto Bunda – 221 votos

PSB

Léo do Celta – 436 votos

Márcio Fatel – 403 votos

REPUBLICANOS

Key da Fanfarra – 246 votos

 

Tesouras Notícias 


Quatro candidatos não tiveram sequer o próprio voto em Salvador; saiba quem são


Quatro candidatos a vereador em Salvador não receberam sequer o próprio voto nas eleições deste domingo (15). Zerados, Débora Morbeck (Pros), Josenei Preto (PSL), Leonora Barbosa (Pros) e Valcimere Santos (MDB) dividem a última posição na lista de postulantes à Câmara Municipal da capital baiana.

Como característica em comum aos quatro candidatos que não receberam voto nas eleições 2020, nenhum se declarou branco à Justiça Eleitoral e nenhum registrou valores doados ou gastos na campanha.

 

Débora Morbeck de Oliveira, de 47 anos de idade, é solteira, tem ensino médio completo e não prestou contas ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), conforme dados publicados no portal Divulgacand.

 

Josenei Ferreira Borges, apresentado como Josenei Preto, também é solteiro, tem 53 anos de idade e possui ensino médio completo. O candidato não registrou doações eleitorais ou gastos de campanha, segundo informações do Divulgacand, do TSE.

 

Leonora Barbosa, por outro lado, tem ensino superior completo e é casada. Administradora de 48 anos de idade, ela também não prestou contas ao TSE de suas receitas e despesas durante a campanha eleitoral. BN

Zé Cocá é eleito prefeito de Jequié com 38,29% dos votos


Zé Cocá (PP) foi eleito prefeito de Jequié nunca disputa bastante acirrada. Ele obteve 30.301 votos (38,29%). A eleição, realizada neste domingo (15nov20), teve James Meira (Patriota) na segunda colocação com 27.407 votos. Dr. Fernando (PSD) acabou em terceiro com 18.128 votos (22,91%). Pé Roxo (Psol) teve 1.817 votos e Rita Rodrigues (PC do B) 1.484 votos. Dos 108. 875 eleitores aptos a votar, 88.678 compareceram as urnas, com 79.137 votos válidos (89,24%), brancos 2.466 e nulos, 7.075 e as abstenções de 20.197 eleitores representando 18,55% dos eleitores. *Jequié e Região

De 45 vereadores apoiados por Bolsonaro, ao menos 33 foram derrotados nas urnas


O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) apoiou e fez campanha abertamente para 45 candidatos a vereador em diversas cidades do país. Desse total, ao menos 33 não conseguiram se eleger neste domingo (15). 

Da lista de 13 prefeitos que contaram com o aval palaciano, apenas dois foram eleitos, ambos de cidades interioranas - Mão Santa (DEM), em Parnaíba, no Piauí, e Gustavo Nunes (PSL), em Ipatinga (MG).

 

Na campanha suplementar para o Senado em Mato Grosso, sua candidata, Coronel Fernanda (Patriota), também perdeu.

 

Todos os candidatos obtiveram o apoio nas "lives eleitorais gratuitas" de Bolsonaro. Alguns participaram pessoalmente.

 

Os principais nomes bancados abertamente por Bolsonaro foram Celso Russomanno (Republicanos), em São Paulo, Marcelo Crivella (Republicanos), no Rio, e Bruno Engler (PRTB), em Belo Horizonte. Desses, só Crivella conseguiu ir para o segundo turno, mas inicia essa nova etapa em desvantagem.

 

O filho Carlos Bolsonaro (Republicanos) foi reeleito, mas perdeu cerca de 35 mil votos em relação a 2016. Wal do Açaí, sua ex-funcionária fantasma, teve só 266 votos e não conseguiu se eleger vereadora em Angra dos Reis (RJ).

Eleições 2020: STF confirma não ser obrigatório portar título de eleitor para votar


O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) confirmou, por unanimidade, que o eleitor não pode ser impedido de votar caso não tenha em mãos o título de eleitor, sendo obrigatória somente a apresentação de documento oficial com foto. Com a decisão, os ministros do Supremo tornaram definitiva uma decisão liminar concedida pelo plenário às vésperas da eleição geral de 2010, a pedido do PT. O julgamento de mérito foi encerrado ontem (19) à noite no plenário virtual, ambiente digital em que os ministros têm um prazo, em geral, de uma semana, para votar por escrito.

Em uma ação direta de inconstitucionalidade (ADI), o PT havia questionado a validade de dispositivos da minirreforma eleitoral de 2009 (Lei 12.034), que introduziu na Lei das Eleições (Lei 9.504/1997) a exigência de apresentação do título de eleitor como condição para votar.

Os ministros entenderam, agora de modo definitivo, que exigir que o eleitor carregue o título de eleitor como condição para votar não tem efeito prático para evitar fraudes, uma vez que o documento não tem foto, e constitui “óbice desnecessário ao exercício do voto pelo eleitor, direito fundamental estruturante da democracia”, conforme escreveu em seu voto a relatora ministra Rosa Weber. 


Informações da Agência Brasil

Conheça a biografia de Eurides Nunes, candidata a prefeita de Ibirataia

Foto: Divulgação

Nascida na zona rural de Ibirataia, filha do agricultor Eugenio Nunes e da dona de casa Elvira Nunes, Eurides é uma mulher que reúne em sua história muitos desafios e superações. Com uma infância pobre, vivida na zona rural, logo depois do distrito de Algodão, ela aprendeu desde cedo o valor do trabalho, o valor de cada suor que escorre dos rostos dos homens e mulheres que trabalham para colocar a comida nas suas mesas. Desde pequena ajudava os pais na lida do campo, despertava cedo para ajudar a sua mãe nos afazeres domésticos.

Era uma criança cheia de sonhos, e o maior deles era se tornar médica. E ela fez disso o seu maior desafio! Com muito esforço de seus pais, Eurides mudou-se para Salvador para fazer curso pré-vestibular e dois anos depois foi aprovada. Por nunca ter se acostumado com a cidade grande, ela então retornou à sua terra natal, iniciando em Algodão uma trajetória empresarial de sucesso, que se expandiu para outras cidades da região, empregando mais de 100 colaboradores.

Hoje, casada e com seus filhos, frutos dessa união, já criados e por compreender a importância da construção de uma cidade com oportunidades para todos e conhecer de perto as necessidades dos pais e mães de família, Eurides colocou o seu nome à disposição de sua terra natal. Acreditando que é possível construir uma cidade com oportunidades para todos, gerando empregos, ofertando uma educação de qualidade para as crianças e os jovens, investindo na saúde, na infraestrutura e mudando a história de Ibirataia.

TCM divulga relação de gestores baianos com contas julgadas irregulares; veja lista


O Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia divulgou nesta segunda-feira (28), a relação dos 1.149 gestores públicos baianos que tiveram contas anuais rejeitadas; termos de ocorrência, denúncias ou auditorias julgados procedentes. Na lista encaminhada pelo TCM foram relacionados os nomes que sofreram punição nos últimos oito anos durante o exame de 2.014 processos. 

A relação é composta por 960 prestações de contas de prefeituras; 127 processos de prestação de contas de câmaras de vereadores; 62 processos relacionados a empresas públicas ou instituições descentralizadas; 247 processos de contas de recursos repassados a instituições privadas de interesse público; e ainda 618 processos relacionados a denúncias, termos de ocorrência e auditorias realizadas pelos técnicos do tribunal.

 

O fato de o nome de um gestor constar nas listas apresentadas ao TRE pelos tribunais de contas não significa, porém, que ele seja inelegível para as próximas eleições. A decisão caberá à Justiça Eleitoral. Isto porque, de acordo com a Lei Complementar 64/90, devem ser afastados da disputa eleitoral por oito anos aqueles “que tiveram suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas por irregularidade insanável que configure ato doloso de improbidade administrativa, salvo se esta houver sido suspensa ou anulada pelo Poder Judiciário”. 

 

Deve à Justiça Eleitoral, assim, julgar se as razões que levaram à rejeição das contas se enquadram ou não nos dispositivos da chamada Lei da Ficha Limpa, e se, de fato, são impeditivas para a disputa eleitoral.

 

Veja as listas:

Lista Gestores Prefeituras Rejeitadas

Lista Gestores Câmaras Rejeitadas

Lista Gestores Descentralizadas Rejeitadas

Lista Gestores Recursos Repassados Irregulares

Lista Gestores Denúncias, Termo De Ocorrência E Auditoria

Mães com Covid-19 não transmitem doença por amamentação, afirma estudo


Mães infectadas pela Covid-19 não transmitem a doença para os seus bebês pela amamentação. Essa é a conclusão de um estudo italiano publicado nesta segunda-feira (28), na revista científica Frontiers in Pediatrics. 

De acordo com informações do portal Viva Bem, do UOL, a pesquisa se baseou em dados registrados na cidade de Turim (ITA) sobre recém-nascidos amamentados por mães infectadas pela Covid-19 e que utilizaram máscara, limparam as mãos com álcool gel e desinfectaram superfícies de objetos usados. Nenhum dos bebês testou positivo para a doença.

 

A liderança do estudo foi de cientistas da Cidade da Saúde e da Ciência de Turim. "Esses resultados são tranquilizadores para as mães e para os operadores sanitários que cuidam da saúde da mãe e das crianças. A pesquisa dá apoio também às recentes recomendações da OMS [Organização Mundial da Saúde] que, mesmo com as limitadas informações disponíveis até agora, em consideração com todos os benefícios, também imunológicos, do aleitamento materno, recomendou também para as mães positivas", ressaltou Enrico Bertino, coordenador da pesquisa e coordenador da Neonatologia Universitária do hospital Sant'Anna.

 

Em virtude da dificuldade de entender como o vírus contagia outras pessoas, o aleitamento materno foi um dos principais temas que geraram dúvidas no início da pandemia.

 

Em junho, porém, o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, fez recomendação para que mães amamentassem normalmente seus filhos. A única restrição feita foi para o caso de elas estarem sentindo sintomas da Covid-19. 

Presidentes do TCM e TCE entregam ao TRE lista com 1.149 gestores punidos



O presidente do Tribunal de Contas dos Municípios, conselheiro Plínio Carneiro Filho, e o presidente do Tribunal de Contas do Estado da Bahia, conselheiro Gildásio Penedo Filho, entregaram, nesta quinta-feira (24/09), ao presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia, desembargador Jatahy Fonseca Júnior, a relação dos gestores públicos baianos que tiveram contas anuais rejeitadas; termos de ocorrência, denúncias ou auditorias julgados procedentes – cujos processos já transitaram em julgado – e que podem ser, eventualmente, enquadrados na Lei da Ficha Limpa. Com a entrega da lista à Justiça Eleitoral, o TCM e o TCE cumprem dever legal imposto pela Lei 9.504/97 a todos os tribunais de contas do país.

A solenidade de entrega ocorreu durante uma videoconferência, que teve à frente o presidente do TRE, desembargador Jatahy Fonseca Júnior, e os conselheiros Plínio Carneiro Filho e Gildásio Penedo Filho. Dela participaram ainda os juízes eleitorais Ávio Novaes, Henrique Trindade e Zandra Alvarez, além do procurador Cláudio Gusmão, chefe do Ministério Público Eleitoral – entre outras autoridades.

Na lista encaminhada pelo TCM foram 1.149 gestores municipais que sofreram punição nos últimos oito anos durante o exame de 2.014 processos. Entre eles, estão 960 prestações de contas de prefeituras; 127 processos de prestação de contas de câmaras de vereadores; 62 processos relacionados a empresas públicas ou instituições descentralizadas; 247 processos de contas de recursos repassados a instituições privadas de interesse público; e ainda 618 processos relacionados a denúncias, termos de ocorrência e auditorias realizadas pelos técnicos do tribunal. A lista do TCE relacionou um total de 588 gestores com prestações de contas rejeitadas, entre os quais estão dirigentes de órgãos da administração estadual, direta e indireta, além de prefeitos e outros gestores responsáveis por convênios e ajustes.

O fato de o nome de um gestor contar nas listas apresentadas ao TRE pelos tribunais de contas não significa, porém, que ele seja inelegível para as próximas eleições. A decisão caberá à Justiça Eleitoral. Isto porque, de acordo com a Lei Complementar 64/90, devem ser afastados da disputa eleitoral por oito anos aqueles “que tiveram suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas por irregularidade insanável que configure ato doloso de improbidade administrativa, salvo se esta houver sido suspensa ou anulada pelo Poder Judiciário”. Deve à Justiça Eleitoral, assim, julgar se as razões que levaram à rejeição das contas se enquadram ou não nos dispositivos da chamada Lei da Ficha Limpa, e se, de fato, são impeditivas para a disputa eleitoral.

O conselheiro Plínio Carneiro Filho, após a solenidade, disse que, infelizmente, o número de gestores que sofreram sanção do TCM ainda é elevado, mas está convencido de que a tendência é de redução. “Isto porque, naturalmente, os eleitores têm aos poucos – negando o seu voto – excluído da vida pública gestores que cometem desvios ou mesmo irregularidades administrativas. Além disso, o controle social e a ação fiscalizadora dos tribunais de contas a cada dia ganham mais em eficiência, e os gestores sabem que, se cometerem desvios, serão identificados e punidos”.

O presidente do TCM destacou também a crescente qualificação dos administradores públicos municipais, e frisou que os órgãos de controle externo – como faz o TCM – têm trabalhado no sentido de “orientar os gestores para que adotem as melhores políticas e práticas administrativas, de modo a evitar irregularidades ou mesmo desvios. E assim possam usar de forma correta e eficiente os recursos públicos e atender melhor os anseios da sociedade”.

Já o presidente do TCE, conselheiro Gildásio Penedo Filho, disse que a elaboração da lista dos gestores que tiveram prestações de contas rejeitadas e seu encaminhamento ao TRE, em atendimento às determinações legais, é um trabalho da maior importância, que “contribui para o fortalecimento da democracia ao ampliar a transparência sobre o processo eleitoral”. E lembrou que a ação dos órgãos de controle, ao dar essa contribuição à Justiça Eleitoral, serve também para informar melhor os eleitores, que podem votar de forma mais consciente, além de permitir que os cidadãos exerçam de maneira mais eficiente o controle social.

O desembargador Jatahy Fonseca Filho ressaltou a importância da lista e das informações que são fornecidas pelos tribunais de contas para que a Justiça Eleitoral possa examinar os candidatos que de fato estão aptos a concorrer nas eleições e exercer cargos eletivos. Ele chamou a atenção para os desafios que estão sendo enfrentados para a realização das eleições neste momento em que vive o mundo e o Brasil, lembrando que a pandemia já causou a morte de cerca de 140 mil brasileiros.

Elogiou a contribuição do Congresso Nacional, que adiou as eleições em 42 dias para dar um pouco mais de tempo à sua organização, e o trabalho do presidente do TSE, ministro Roberto Barroso, para superar todas as dificuldades e possibilitar o exercício da democracia. Segundo ele, para se ter ideia dos recursos que estão sendo mobilizados, dos cuidados com a saúde dos colaboradores e dos eleitores, de modo geral, a Bahia “vai receber nove carretas com equipamentos de segurança individual, equipamentos para sinalizar o distanciamento mínimo entre os eleitores, álcool em gel, máscaras, enfim tudo para que o processo eleitoral transcorra na maior segurança possível”.

Já o procurador eleitoral na Bahia, Cláudio Gusmão, disse que as listas com os gestores punidos entregues pelos tribunais de contas são fundamentais para a atuação do Ministério Público Eleitoral. Ele frisou que o exemplo “deveria ser seguido por outros órgãos, como o Poder Judiciário, que muitas vezes dificulta o acesso do MPE a informações que são importantes para a definição da elegibilidade ou não de determinados candidatos”. Gusmão disse que o TCE e o TCM têm auxiliado no trabalho da Justiça Eleitoral na medida em que repassam as informações sobre o julgamento e punições aplicadas a gestores públicos, tempestivamente, de modo a facilitar a atuação do MPE e da Justiça Eleitoral.

Cláudio Gusmão não poupou elogiou ao TCM que, segundo ele, faz um trabalho “preventivo e educativo importante junto aos gestores municipais para evitar que venham a ser punidos por irregularidade, ilegalidades que poderiam ser evitadas. Muitas vezes os erros ocorrem por falta de informação, de qualificação dos dirigentes municipais. Por isso, valorizo e acho da maior importância esse trabalho de qualificação, de orientação da corte de contas”.

Jequié: Gerente do tráfico morre em confronto com policiais militares


Um homem apontado como gerente do tráfico de drogas no Residencial Segredo, em Jequié, acabou morrendo ao resistir a abordagem de policiais da CIPE Central, informa a Polícia. De acordo com o informativo, ao avistar a guarnição, o homem conhecido pelo apelido de ‘Babuíno’ tentou fugir entrando em confronto armado com os policiais. Babuíno acabou atingido e encaminhado ao hospital local, mas não resistiu. Segundo a unidade militar, o resistente era gerente do tráfico no Residencial Segredo e pertencia a uma Organização Criminosa que atua no Nordeste do país. Na ação foi apreendido 01 Revólver Taurus cal.38 e 01 Motocicleta vermelha, placa policial PLP9E86.

Sandro Régis lamenta resultados do IDEB e critica Rui por falta de políticas para Educação


O deputado estadual Sandro Régis (DEM), líder da Oposição na Assembleia Legislativa (AL-BA), lamentou nesta terça-feira (21) os resultados alcançados pela Bahia no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). De acordo com a nova versão do estudo, divulgada na semana passada, a rede estadual da Bahia voltou a registrar o pior ensino médio do país com nota de 3.2, a mesma de Amapá e Pará.

Levando em conta toda a rede, não apenas a estadual, o ensino médio do estado tem o terceiro pior resultado do país, com nota 3,5, à frente apenas de Amapá e Pará, ambos com 3,4. Os baixos indicadores se repetem também nos anos iniciais e finais do ensino fundamental. Nos anos finais, o estado foi o segundo pior do país (4.1), só perdendo para o Amapá (4.0). Já nos iniciais, é o sexto pior (5.3).

Para Régis, os resultados refletem a falta de políticas públicas dos governos petistas para melhorar a educação da Bahia. “Ano após anos vemos os resultados ruins se repetirem sem que o governo adote uma postura mais resolutiva, propositiva. O governador Rui Costa (PT) chegou a dizer que a educação seria uma prioridade de seu segundo governo, mas, na prática, não estamos vendo isso”, afirmou.

O deputado pontuou que a rede estadual da Bahia enfrenta desde problemas na infraestrutura das escolas até a falta de investimentos na qualidade do ensino. “O governo tem fechado escolas, como o próprio Odorico Tavares, em Salvador, e outras tantas unidades no interior. Quem anda pela Bahia, conversa com prefeitos e lideranças, ouve recorrentemente queixas sobre a má qualidade das escolas estaduais. É uma situação lamentável”, disse.

Régis ressalta que os resultados ruins do estado refletem outros dados negativos da Bahia, especialmente os relacionados a desemprego e violência. “A Bahia recorrentemente aparece como estado com maior volume de desempregados e, nos levantamentos sobre violência, sempre estamos nas primeiras posições. É muito claro que a má qualidade da educação está relacionada a eles. Melhorar a educação é dar mais oportunidades para as pessoas”, destacou.

Polícia Civil descobre plantação de maconha na zona rural de Ibirataia; 06 homens foram presos


A Polícia Civil de Ibirataia, com o apoio do Setor de Investigação da Delegacia de Ipiaú, iniciou investigações há cerca de 01 (um) mês, no intuito de descobrir um plantio de maconha (Cannabis Sativa), na região do Aricangá, Zona Rural do Município de Ibirataia/BA. Na manhã desta segunda-feira (21), foi possível deflagrar a operação em uma propriedade rural. Após o cerco ao local, no qual havia uma casa, sede, no meio da mata, constatou-se que havia 06 (seis) homens, os quais logo que visualizaram as equipes, tentaram empreender fuga. Todavia, as equipes da Polícia Civil, com êxito, conseguiram capturar todos os indivíduos. Dando continuidade à operação, já no local da plantação, distante cerca de 2km adentrando a mata, foi possível constatar uma área de aproximadamente 01 (um) hectare, com aproximadamente 3.500 (três mil e quinhentos) pés de plantio de maconha, que se misturavam com plantação de Cacau. No local, existia uma estrutura de irrigação, para a plantação, onde a água era levada por canos, através de uma bomba, até o depósito que distribuía água para toda a plantação, construída pelo grupo criminoso. O material (maconha in natura) foi recolhido, retirado uma parte para realização de perícia e o restante foi incinerado no próprio local.


Flagranteados: 


1 - Francisco Miguel Delfino, 55 anos, Natural de Cabrobó/PE. Possui Mandado de Prisão n. 0001021-21.2016.8.18.0051.01.0001-12, pelo crime de Associação Criminosa. Já cumpriu pena por um assalto a banco, ocorrido no Piauí. 


2 - Deivde Washington de Almeida Oliveira, 24 anos, Natural: Bom Jesus da Lapa/Ba. Responde por posse de arma de fogo e tráfico. 


3 - Emanuel Silvio Vieira Novais, 45 anos, Natural de Cabrobó/PE. 


4 - Vanderclebe Peixoto Dias, 27 anos, Natural de Jitaúna. 


5 - Marcos dos Santos Pereira, 36 anos, Natural de Ipiaú, responde por um crime de latrocínio, ocorrido em Ipiaú/Ba em 2008. 


6 - Anderson Miguel Delfino, 26 anos, Natural de Cabrobo/PE, responde por estupro. 


Fonte: DT/Ibirataia e DT/Ipiaú


TST aprova reajuste de 2,6%, e trabalhadores do Correios devem voltar nesta terça


Tribunal Superior do Trabalho (TST) aprovou nesta segunda-feira (21) um reajuste de 2,6% para os funcionários dos Correios. Os trabalhadores devem retomar as atividades a partir desta terça-feira (22). 

A maioria do tribunal decidiu que a greve, iniciada no dia 17 de agosto, não foi abusiva. Com isso, metade dos dias de greve será descontada do salário dos empregados. A outra metade deverá ser compensada, segundo o G1.

 

Se os funcionários não retornarem aos postos de trabalho, a categoria fica sujeita a multa diária de R$ 100 mil. O secretário-geral da Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresa dos Correios e Similares, José Rivaldo, afirma que para a entidade a greve continua. O resultado do julgamento será discutido nesta terça em assembleia com os trabalhadores.

 

Rivaldo afirmou que a exclusão das cláusulas do acordo coletivo (leia abaixo) vai reduzir a remuneração dos empregados dos Correios em 40%. “O que fizeram com a gente foi uma maldade muito grande”, disse.

 

Relatora do processo no TST, a ministra Kátia Arruda votou contra a declaração da greve como abusiva – o que levaria ao desconto integral das horas não trabalhadas.

 

A magistrada disse que a paralisação foi a única solução encontrada pelos trabalhadores, diante do fato de que a empresa tinha retirado praticamente todos os direitos adquiridos da categoria.

 

“É a primeira vez que julgamos uma matéria em que uma empresa retira praticamente todos os direitos dos empregados”, afirmou.

Violência: Três homens são baleados na tarde deste domingo em Ibirataia


A violência na tarde de domingo (20) deixou três homens baleados na cidade de Ibirataia. Segundo apurou o GIRO, a primeira tentativa de homicídio ocorreu na BA-650, trecho que liga a cidade ao município de Ipiaú. De acordo com as informações, um homem que trafegava na rodovia em um automóvel foi abordado por dois indivíduos numa moto. Um deles disparou três tiros em direção ao alvo. A vítima identificada apenas como Gilmar foi baleada no pé e conseguiu escapar dos criminosos que seguiram sentido Ipiaú. O motorista buscou atendimento médico numa unidade hospitalar de Ibirataia.

Pouco tempo depois, dois homens foram baleados no Centro de Abastecimento Florisval Abdon Fair. De acordo com populares, o atentado foi praticado por uma dupla a bordo de uma motocicleta. Os jovens Leonardo (morador de Barra do Rocha) e Rafael (Ibirataia) foram baleados e socorridos até uma das unidades de saúde da cidade, sendo transferidos em seguida para o Hospital Geral Prado Valadares, em Jequié. Não há informações sobre o estado de saúde deles. A Polícia investiga se o atentado do Centro de Abastecimento tenha ocorrido em retaliação a tentativa de homicídio na BA-650. O caso está sendo acompanhado pela Polícia Civil. 


Com informações do Giro Ipiaú

Mãe e filho morrem vítimas da Covid-19 no intervalo de 8 horas


Após ficarem internados na mesma ala de unidade de terapia intensiva em Xanxerê, em Santa Catarina, por quase duas semanas, mãe e filho diagnosticados com o novo coronavírus morreram em intervalo de oito horas. De acordo com o G1, a a professora Erenita Isotton, de 60 anos, morreu às 19h30 de sábado (19) e o filho dela, Ademar Isotton Júnior, de 32 anos, morreu às 3h30 deste domingo (20). Ambos tinham comorbidades. Eles eram funcionários públicos municipais: ela professora do ensino infantil e ele, motorista da Secretaria Municipal de Saúde. Até a tarde de sábado (19), Xanxerê tinha registrado 27 mortes por coronavírus e total de 2.017 diagnosticados, segundo último boletim do governo estadual. Em todo estado são mais de 205 mil casos confirmados e 2.635 mortes.

Eleições de 2020: TRE quer grupo de risco votando às 7h e que eleitor leve própria caneta


O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) irá investir em uma campanha educativa para que as pessoas do grupo de risco da Covid-19 votem nas eleições deste ano pela manhã, de 7h às 10h. A medida foi apresentada pela Corte em encontro online nesta quinta-feira (17) para esclarecer as novas regras do processo eleitoral de 2020 em meio à pandemia. 

O TRE-BA também incentivará que cada eleitor leve sua própria caneta para a votação. O objetivo é que as pessoas não compartilhem o item na hora de votar e, assim, reduzam as possibilidades de contágio. 

 

MEDIDAS DE PREVENÇÃO

Para garantir o distanciamento nos locais de votação, o TRE irá marcar o chão com fitas para a formação de filas e irá realizar a desinfecção das mãos nos eleitores. 

 

O uso de máscara será obrigatório. O eleitor só poderá retirar o equipamento de segurança no momento em que entregar o RG, para ser identificado, antes de se deslocar para a urna. 

 

Outra novidade fica por conta do comprovante de votação, que poderá ser retirado pela internet. Uma autoridade federal ou estadual pode fixar o número máximo de pessoas para evitar aglomeração na eleição

 

“Graças a Deus a pandemia já passou pelo famoso platô e esperamos que nesses 60 dias que faltam para a eleição, a situação sanitária melhore. Faremos eleições tranquilas com ajuda de todos, com responsabilidade compartilhada”, destacou Jatahy Fonseca Júnior. 

TRE estende horário de votação nas eleições da Bahia e estabelece outras medidas


O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) estabeleceu, nesta quinta-feira (17), novas medidas para as eleições, em meio à pandemia do coronavírus. Uma dessas ações é a extensão do horário de votação. Entre os pontos abordados, o presidente do TRE-BA informou também que os juízes das zonas eleitorais, com apoio do Ministério Público Eleitoral, vão orientar os candidatos para que normas sanitárias sejam respeitadas nos atos de campanha. A decisão foi tomada depois das cenas de aglomerações em convenções partidárias no último final de semana e na quarta-feira (16).

Medidas estabelecidas pelo TRE-BA para as eleições de 2020

  • Suspensão da biometria;
  • Extensão do horário da votação para mais uma hora. Com isso, horário de votação vai começar às 7h;
  • As três primeiras horas, das 7h às 10h, serão preferencialmente para as pessoas du grupo de risco;
  • Distribuição dos equipamento de proteção individual (EPIs) para segurança dos mesários;
  • Os apontamentos foram feitos em uma videoconferência do TRE-BA, com o procurador-regional eleitoral do estado, o coordenador do Núcleo Eleitoral do Ministério Público da Bahia (MP-BA) e outras autoridades.

O Ministério Público Eleitoral reforçou que os promotores-eleitores fiscalização essas eleições e quem quiser entrar em contato com um promotor-eleitoral para fazer denúncia é só entrar no site do Mistério Público da Bahia, o www.mpba.mp.br, e clicar na área de serviço na aba Fale Conosco. 


Informações do G1

Polícia Civil apreende 90 kg de maconha em Jequié


A Polícia Civil de Jequié (Delegacia Territorial e Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos), durante investigação de crimes de furto, adulteração de sinal identificador de veículo automotor e receptação, apreendeu 90kg de maconha prensada em um veículo. A droga estava escondida nas paredes do baú de uma picape e teria como destino o litoral do Estado de São Paulo. O crime foi descoberto nesta terça-feira, 15, durante uma operação no bairro Cidade Nova. O material foi encaminhado ao Complexo Policial.  Não foi informado se alguém foi preso. As investigações ainda estão em andamento. (Jequié Repórter)

Retorno presencial do INSS esbarra na ausência de médicos; perícias estão suspensas


O retorno dos atendimentos presenciais nas agências do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), nesta sgeunda-feira (14), não ocorreu como esperado. As perícias estão suspensas e sem data para retorno após os médicos não voltarem ao trabalho presencical. As agências do INSS estavam fechadas desde março por conta da pandemia, e a reabertura foi suspensa por sete vezes. Segundo a Associação Nacional dos Médicos Peritos (ANMP), contatada pela Veja, foi feita uma vistoria nas agências do INSS que contam com serviço de perícia e apenas 12 de 800 locais que recebem perícias apresentam condições de segurança para atendimento ao público. Ainda não há data para retorno do serviço. BN